5 apps para blogueiros!


Não sei vocês, mas de vez em quando eu procuro ferramentas que me ajudam a melhorar o blog: seja um app de fotografia, um lugar onde posso anotar as ideias que surgirem ou um editor de vídeos. Como sei que a maioria dos leitores que acompanha o Escritoriando também tem blogs, fiz uma lista de cinco aplicativos com funções bem legais. Mas servem também para todo mundo, viu? 

Click Serendipity 
O Click Serendipity é um aplicativo de edição de fotos desenvolvido pela Melina, do blog Serendipity. Nele dá pra adicionar etiquetas fofinhas, molduras e tem fontes bem bonitas para escrever em fotos. 
Custa US$1,99 e está disponível para iOS (e em breve para Android)

Nutshell Camera
Acho que esse foi o meu achado do ano! O Nutshell é um editor de vídeos bem diferente: Você tira três fotos, e ele converte isso em um mini filminho. O legal é que dá pra adicionar emoticons fofinhos e palavras divertidas. Achei a ideia divertida pra postar no instagram, principalmente looks do dia. Vou testar algum dia ;) 
Ele é gratuito e está disponível para iOS.

Feedly
Esse app é uma ótima dica para acompanhar outros blogs e ficar de olho nas tendências e sobre o que as blogueiras estão escrevendo pelo mundo. Nele, você escolhe as categorias que mais gosta e seleciona os blogs que deseja acompanhar. Sempre que você entrar, vão aparecer os posts a medida que forem sendo postados. O legal é que a visualização é fácil e dá pra ler e acompanhar tudo rapidinho, mesmo que você esteja na rua, no ônibus, etc. 
Ele é gratuito e está disponível para iOS e Android.

We heart it
Quem aí gosta de fotografia? O we heart it é uma espécie de rede social/site onde você pode pesquisar imagens e adicionar as que gostar no seu perfil. Eu costumo salvar as que acho bonitas e que têm haver com os assuntos dos posts que escrevo aqui. É de lá que tiro as fotos que aparecem no início dos meus posts :) {quando não é uma foto de autoria minha, claro}
Ele é grátis e está disponível para iOS e Android, e dá pra navegar pelo site também,

Polyvore
Conheci o Polyvore quando fui escrever esse post, então não tenho muito o que falar sobre ele, mas a proposta dele é bem legal: pelo que entendi, você pode montar wishlist e looks com os produtos que o site oferece. Bem legal, né?
Ele é grátis e está disponível para iOS.

 Conhece algum outro app legal? Compartilha com a gente!

Playlist: Ma petite Paris.

Faz um tempão que não posto playlists, né? Pra tirar a poeira da tag, decidi reunir algumas músicas francesas que eu gosto bastante. Quem me acompanha por aqui sabe do meu amor pela França, então nada mais justo que compartilhar um pouquinho disso com vocês <3

 

Se vocês conhecem outros cantores/músicas francesas, me digam que vou adorar conhecer mais hihi

Eu, Norte. Você, Sul.

Reli aquela carta de cinco anos atrás. Sim, aquela carta que você me mandou falando um pouco sobre o que o "nós" representava para você. Tornou-se quase cômico as frases que aquelas tantas palavras formam. Poucas duradouras e muitas sem nexoAquela despedida já não faz mais sentido. Desde quando foi "para sempre"?

Muitas vezes já cogitei tentar trazer de volta tudo o que sentimos e dividimos um com o outro. Ideias trabalhosas e cheias de detalhes que se resumiram a desperdício de tempo. Tanta coisa mudou e nós ficamos no meio da estrada, sem saber o que fazer. Acabamos tomando rumos diferentes e sentindo o baque das responsabilidades e a crueldade da realidade nem sempre justa. Foi um verdadeiro caos. Eu para o norte, você para o sul. Como fazer linhas paralelas se encontrarem? 

Se fecho os meus olhos ainda ouço sua risada e sua voz sussurrando em meu ouvido. Se forço a memória, vou além: sinto o cheiro do seu perfume que ainda me embriaga e o toque suave de suas mãos em meu rosto. Exatamente como acordar de um sonho, abrir os olhos me leva para um pesadelo intitulado realidade. R-e-a-l-i-d-a-d-e. Nove letras, cinco vogais e um emaranhado de arrependimento, angústia e desejo de poder voltar no tempo. Quando foi que construíram um abismo entre nós?

Olho os pingos de chuva percorrendo o vidro da janela. Respiro fundo. Tudo foi sempre por você. Enxugo as lágrimas, limpo minha mente. Permaneço nessa constante luta contra o esquecimento e contra tudo o que me faz mal. Permaneço aqui, esperando pelo dia que assim como alguns pingos de chuva que escorrem pela janela, eu possa encontrar alguém destemido o suficiente para seguir o meu caminho comigo e me ajudar a torná-lo nosso. Permaneço esperando pelo dia em que alguém, assim como eu, seja corajoso o suficiente para engolir o próprio orgulho e dizer: "eu vou lutar por nós dois".

***
Esse texto é da Fernanda Barroso, que me permitiu postar aqui no blog. Que honra ter leitores do Escritoriando tão talentosos <3 Aliás, estou pensando em postar mais autorias de vocês aqui, o que acham? Caso tenham escrito um texto legal, mandem por email (blogescritoriando@hotmail.com). Eu vou adorar tê-los por lá.
Tecnologia do Blogger.